7 negócios em alta em 2019 para quem tem pouco dinheiro para investir

Leia esse artigo até o final para conhecer o Negócio que está ajudando milhares de pessoas a conseguir uma renda suficiente, para não precisar mais trabalhar no mercado tradicional…

Se você não sabe o que vender para ganhar dinheiro ou não tem ideia de qual negócio abrir em 2019 para sair do vermelho, quitar seu cheque especial, cartão de crédito, pagar todas as suas dívidas e ainda sobrar algum, esse artigo é para você.

Veja aqui as opções que separamos neste artigo (aposto que você nunca ouviu fazer da última opção):

1 – O Aplicativo UberEATS

Esse é um aplicativo novo no Brasil e pode ser que você nunca tenha ouvido falar. Mas, acredite: é um dos negócios em alta em 2019 que pode dar certo.

Em São Paulo ele já está funcionando da seguinte forma: a pessoa tem que ter uma bicicleta (e esse seria o único gasto), a partir disso, ela começa a fazer entregas por toda região. Sendo que o horário de trabalho é a partir das 7 horas.

O pagamento é feito conforme a distância percorrida e o tempo de entrega – tudo é feito automaticamente pelo aplicativo. Mas, além disso, quem contratou o serviço tem que pagar uma parcela fixa de 7 reais para cada “corrida”.

Ah, e a entrega pode ser sobre tudo que “caiba” em uma bicicleta que tenha suportes, como documentos e até mesmo marmitas.

Prós: Você só precisa ter uma bicicleta, gostar de pedalar e ter de 5 a 6 horas livres por dia.

Contras: Segundo depoimentos de pessoas que testaram esse tipo de trabalho, você precisa ficar um longo tempo a disposição para ter um baixo volume de pedidos (o aplicativo só direciona as entregas com bike para locais que fiquem até no máximo 4 km do restaurante. Isso reduz a quantidade de entregas que você consegue fazer por dia permitindo ganhos em torno de R$ 700,00/mês.

2 – Motorista de Carros por Aplicativo

É impossível falar em tendência de mercado sem falar do Uber. O aplicativo deu oportunidade as pessoas que precisam encontrar um trabalho rapidamente e para isso tem um carro em boas condições de uso.

Tudo funciona como um táxi, onde há o transporte de pessoas e bagagens.
Há histórias de muitas pessoas que conseguiram ganhar dinheiro com o Uber e ainda estão ganhando. Se você não tem muita noção do que montar em 2019, essa pode ser uma alternativa viável para quem tem pouco dinheiro – mas tem um carro.

Prós: Se você tem mais de 21 anos, já tem um carro do ano de 2008 em diante, basta se cadastra no Uber, alterar a sua carteira de habilitação com a observação que você exerce atividade remunerada e pronto, pode começar a trabalhar.

Contras:
– O rendimento aproximado é de R$ 25,00/hora trabalhada e para ter uma renda de R$ 5.000,00 você terá que trabalhar pelo menos 10 horas por dia.
– A questão da segurança também tem preocupado muitas pessoas que trabalham como motoristas de aplicativos.

3 – Trabalhar como Pet Sitter

Cuidar de cães e gatos enquanto os “pais” estão trabalhando ou viajando é uma atividade que ganha cada vez mais adeptos, criando novas opções de trabalho. Quem ama animais pode atuar como pet sitter, uma espécie de babá que visita os animais em casa, ou como dog walker, profissional que leva os bichinhos para passear.

Um pet sitter cobra, em média, de R$ 30 a R$ 40 por hora, dependendo do animal. Cuidar de gatos, por exemplo, costuma ser mais fácil. Os passeios, por sua vez, custam de R$ 10 a R$ 80. Com uma boa clientela, é possível faturar de R$ 2 mil a R$ 3 mil por mês.

Prós: Facilidade para aprender o negócio. Se você gosta de animais não é difícil conseguir capacitação para atuar nessa profissão, os cursos variam de R$ 400,00 a R$ 1.000,00.

Contras: Dificuldade para encontrar os primeiros clientes, isso normalmente acontece através do famoso boca a boca, ou então uma outra opção é criar um site ou uma página no Facebook para fazer a divulgação.

Par ter resultados rápidos você precisaria ter um pequeno capital, para investir em campanhas publicitárias no Google e Facebook.

4 – Hospedagem de Animais

No tópico acima, falamos sobre passear e dar atenção aos pets, e agora a ideia é outra: a de hospedar esses animaizinhos. E por que essa é uma tendência para ganhar dinheiro em 2019? Porque cada vez mais as pessoas sofrem com a falta de espaços proporcionada pelos minúsculos apartamentos.

E a ideia tem dado certo, como foi provada por Eduardo Baer, que conheceu esse tipo de serviço e criou o DogHero, um site que reúne ambos interessados – pessoas com lugares disponíveis e gente sem lugar para hospedar seus pets.

“É muito comum os americanos receberem cachorros ou gatos de outras pessoas em casa e cobrarem por esses serviços”, ele avalia.

No caso desse aplicativo, a ideia é receber um valor de 25% da hospedagem. Atualmente, são mais de 10 mil anfitriões cadastrados que tratam também de jabutis e pássaros.

Pros: Fácil para iniciar, basta ter um espaço em sua residência, ter um tempo livre e gostar de cuidar de animais.

Contras:
– Clientela extremamente exigente (alguns chegam a fazer uma verdadeira sabatina antes, além de visitar o local, pedem fotos e vídeos o tempo todo para saber com estão seus bichinhos de estimação, alguns dão mais trabalho do que os próprios animaizinhos).

– Pode chegar a uma renda de aproximadamente R$ 1.500,00/mês, porém é necessário ter um espaço considerável em sua residência e muita disponibilidade de tempo livre.

5 – Aulas particulares de reforço escolar

Especialmente as crianças costumam ter necessidade de ter um reforço escolar. Isso acontece quando a fase de aprendizagem pessoal não acompanha a geral, da classe toda. Logo, com alguma orientação a mais, o aluno volta a acompanhar a turma.

Essa também é uma boa alternativa para quem não sabe o que montar em 2019 – um das opções está voltada para o youtube. Hoje em dia, muitos professores migraram da sala de aula para a internet e estão publicando suas vídeo-aulas por lá.

O seu único gasto será com a disposição e dedicação para ensinar outras pessoas.

Prós: Se você já é professor ou professora e tem um local para receber os alunos, ou disposição para atender a domicílio, pode começar imediatamente.

Contras: Necessário tomar cuidado com o valor cobrado, principalmente se você tiver despesas com deslocamento. A média salarial para Professora de Reforço no Brasil é de R$ 800,00.

6 – Trabalhar como marido de aluguel

O nome é comum e se destina as pessoas que sabem fazer tudo o que uma casa precisa – como pintura, instalações, faxinas e trabalhos estruturais.

O trabalho de marido de aluguel é um negócio em alta em 2019 porque o número de apartamentos é cada vez maior e, com isso, cresce também as famílias menores, formadas por casais novos, que nem sempre tem conhecimentos práticos sobre isso.

Prós: Alta demanda, quase todo mundo tem algum algo que queria arrumar ou reparar em sua residência.

Contras:
– Para serviços mais simples como colocar uma prateleira, trocar uma luminária, etc, não há problema, mas para serviços mais específicos é necessário ter conhecimentos sobre Elétrica, Hidráulica e fazer uso dos EPI’s (Equipamentos de Proteção Individual).

– No início, sem ter referencias e indicações de outros clientes é difícil conseguir a confiança dos clientes, pois infelizmente vivemos em um clima de insegurança com a onda de violência que vemos todos os dias na TV.

– Para quem já trabalhou em obras, aqui a atividade é bem diferente, você precisa ser bem profissional, cuidar da aparência, ser educado, saber ouvir e ser atencioso com seus clientes, lembre-se que você precisa passar confiança.

7 – O Negócio do Futuro (O fim do emprego tradicional)

Quando alguém te pergunta se tem algum restaurante japonês bom na sua região, e você conhece aquele Japonês Top, a primeira coisa que você faz é indicar, dar referencias, falar da comida, do preço, etc, etc, etc, não é mesmo?

E o dono do restaurante te dá algo em troca? Um cuponzinho de desconto que seja? Não né, ele nem fica sabendo que foi você quem indicou.

Se você fica sabendo que tem uma loja fazendo uma promoção, ou se tem cerveja ou vinho mais barato em algum hipermercado ou loja do ramo, logo compartilha com seus amigos do Face ou Whatsapp, certo?

E nesse caso você também não ganha nada, não é?

Agora imagine se você soubesse que existe um hipermercado que está vendendo uma série de produtos de uso pessoal (sabonetes, creme dental, desodorantes, perfumes, hidratantes, shampoos, e muitos outros) tudo com 50% de desconto parcelado no cartão, você iria lá na mesma hora não é mesmo?

E você compartilharia isso rapidinho com todos da sua família e seus amigos também, certo?

Agora vem a melhor parte…

Imagine se você ganhasse uma comissão sobre todas as compras que cada pessoa que você indicou fizesse nessa loja, PELO RESTO DA VIDA…

Isso te daria uma boooooa renda extra, não é mesmo?

Saiba que Centenas de Pessoas já conseguem hoje viver exclusivamente desse tipo de negócio.

Você pode até não acreditar, mas esse negócio já existe no Brasil faz alguns anos.

Já saíram reportagens sobre isso no programa Pequenas Empresa Grandes Negócios, Revista Exame, Você S/A, Programa da Ana Maria Braga, e vários outros programas, jornais e revistas.

Existe uma Empresa Brasileira que já tem mais de 30 anos no mercado, que neste momento, está oferecendo essa oportunidade para novos parceiros.

O negócio é simples mas muito bem estruturado e abrangente, então se você ficou interessado vou deixar o link aqui abaixo para você acessar diretamente o site da empresa, lá você vai encontrar todos os detalhes de como funciona e o que fazer para participar.

Mas fique atento pois no momento em que publicamos este artigo, nossa equipe de redação recebeu a informação que a empresa já havia preenchido a maior parte das vagas!